10 agosto 2016

As deusas gordas do Olimpo

10 agosto 2016
Na contramão das matérias de grandes portais que exaltam "musas" e "musos" das piscinas, quadras e de outros ambientes onde ocorrem as disputas por medalhas, esse é um post para exaltar os corpos gordos e como eles contrariam o senso comum ridículo de que gordo não se exercita nem leva uma vida disciplinada.

Quer saber mais sobre três gordas que estão competindo nos Jogos Olímpicos? Dá só uma olhada:


Teresa Almeida, mais conhecida como Ba.  Goleira da seleção de Handebol de Angola


Angola tem se mostrado a "zebra" da competição, vencendo partidas contra seleções de Romênia e Montenegro. Ba tem recebido o carinho da torcida brasileira, que não tem vergonha em dizer que "a Ba é melhor que o Neymar".


Heidi Diethelm Gerber, atleta do Tiro Esportivo


A atleta suíça ganhou medalha de bronze ontem na categoria 25m do Tiro Esportivo Feminino.


Melissa Seidemman, jogadora de Polo Aquático



Melissa pesa 104kg e já ajudou a seleção norte americana de Polo Aquático a vencer as equipes da França e da Espanha.

Claro que muitos outros atletas também são gordos! A BBC quis provar que a diversidade de corpos está presente nas Olimpíadas, e criou um site onde você coloca algumas informações sobre seu corpo e descobre "quem é você" nas Olimpíadas! Fiz o meu e apareceram duas atletas do levantamento de peso e uma do atletismo.



Essas mulheres, além de terem o super mérito de estarem na maior competição esportiva do mundo, estão dando um show de representatividade e mostrando pro mundo que ser gorda tá longe de ser uma questão de preguiça e sedentarismo.


03 agosto 2016

Tendência - Adaptando o estilo de Tancinha para a moda plus size

03 agosto 2016

Quem curte moda e é noveleira já reparou que Tancinha, a personagem principal de 'Haja Coração' vai ditar as tendências pro verão brasileiro. Munida de cores berrantes, estampas florais e tecidos, digamos, menos nobres, Tancinha é the face of Brazil. Não me surpreenderia se em grandes lojas populares - e não falo de redes fast fashion, onde os preços deixaram de ser populares há um bom tempo - já tenham peças anunciadas como "blusa da Tancinha", "saia da Tancinha" e "vestido da Tancinha". Ainda tem pouquíssima coisa em tamanhos maiores, mas consegui achar algumas peças em tamanho XXG (pra dar uma ajuda, o XXG cabe em mim, que uso entre 52 e 56!) na Posthaus - a loja popular de tamanhos maiores, haha- e tô linkando aqui pra quem curtir o estilo!

Cropped folhagens transpassado - Compre aqui



Vestido frente única tropical - Compre aqui


Saia curta tropical (Gente, essa custa só 10 golpinhos ❤) - Compre aqui


Tamancos coloridos - Compre aqui

Abuse dos croppeds, do crochê, das roupas justinhas, decotes ombro a ombro, babados... Inclusive nisso tudo junto, haha!

A personagem vivida  por Mariana Ximenes também é tendência em beleza, com uma make bem natural, e unhas num tom de coral babadeiro. Fora o cabelo, um castanho iluminado que não faz muito o meu estilo, mas promete fazer a cabeça da mulherada no verão.

Franjão, cabelo castanho ondulado semi preso e make "acordei assim", com um batonzinho coral

A cor de unha usada pela personagem. O dupe é a cor "Praia", da Hits


Além de tudo isso já mostrado, Tancinha é feirante, e as frutas, elemento de várias cenas em que ela aparece, também vem forte nesse verão em roupas e acessórios, com cores vibrantes do jeito que o verão pede!

Bolsa carteiro de abacaxis!


Sapatilhas de melancia

Mochila de bananas coloridas


* Este post não é pago/publieditorial, mas o blog recebe uma comissão sobre o valor das vendas realizadas através dele.

26 julho 2016

Bralette para gordas - Onde comprar?

26 julho 2016
Já tem mais ou menos uns dois anos que os bralettes voltaram à moda. São aquelas lingeries lindas, com um ar mais vintage e que são feitas para ficarem estrategicamente à mostra quando usamos alcinhas e/ou decotes. Abusam das rendas, das fitas e da transparência, dando um ar sexy mesmo para roupas mais "comportadas", digamos assim. Algumas peças servem como top cropped, dando aquela lacrada no look.
Como sempre, demoraram até chegarem ao mercado peças que coubessem em corpos maiores e também não custassem os olhos da cara. No ano passado, com a febre dos strappy bras - aqueles sutiãs com tirinhas no decote -, surgiram várias marcas, e hoje vou indicar três mulheres que vivem de fazer peças lindas em tamanhos grandes!


GG.rie 

A GG.rie tem como público alvo mulheres plus size. Atende do 46 ao 54 - eu uso sutiã 50 dela. O forte de lá são as rendas, quase onipresente nas peças. Eu sou uma grande fã da marca, tenho três sutiãs e seis calcinhas, duas no estilo bralette e quatro que são de malha, confortáveis pro dia a dia e lindas! Esse corpo 54 não precisa usar só calcinha bege não, viu? A GG.rie vende online e tá presente sempre nos maiores bazares plus size, vale muito dar uma olhada e conhecer melhor as lingeries maravilhosas!





F.A.T. - For All Types

A For All Types, da Bee Reis, é famosa por fabricar aqueles biquínis popularmente chamados de 3D, que fizeram um mega sucesso no último verão. Os sutiãs são pensados e idealizados por ela para mulheres de corpos gordos. O diferencial da Bee, lembrado até por Mc Carol, é que ela é tipo uma vendedora de loja regular: vende usando os próprios produtos! Não é difícil encontrarmos a Bee de biquíni vendendo e dando dicas pras meninas sobre tamanhos e conforto com as suas peças.





The Bralette Boutique

Conheci a Júlia há pouquíssimo tempo, quando perguntei por alguma mina que fizesse uma peça que eu estava muito a fim (em breve falarei sobre isso, hihihihi), e automaticamente conheci a loja dela e busquei referências, que foram as melhores. A Bralette Boutique faz lingeries nesse estilo sob medida -você escolhe até a largura da alça que acha melhor-, tem modelos até com patches foscos na transparência, dando um super charme!






Tudo lindo, agora é só você escolher qual gostou mais!
Como eu sempre tive MUITO peito - tanto que fiz mamoplastia na adolescência - não sei se é desconforto e nem o motivo real, mas, apesar de achar sutiãs sem bojo e sem aro a coisa mais linda, não tenho nem coragem de experimentar, acho que vai ficar feio, sei lá. É um gorda drama que nem deve fazer muito sentido, mas acho uma tristeza só ver tantos conjuntos lindos em renda pra serem usados com decotão e eu presa no combo bojo + aro.
Da Rua Pra Lua | 2015 - 2016 © Todos os Direitos Reservados

Design & Desenvolvimento por Moonly Design